Ouça Orli Ricardo

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Autoridades políticas e representantes da AAPP se reúnem para discutir reforma do Colégio Henrique Rupp Jr

Novo prédio pode ser viabilizado por meio do Programa Pacto pela Educação
Autoridades políticas de Campos Novos discutem a reforma do prédio (Foto: Simpatia FM)
Cerca de trinta pessoas estiveram reunidas na manhã de sábado, 16/02, nas instalações da Escola de Educação Básica Henrique Rupp Junior com intuito de discutir a viabilização de uma reforma geral do prédio da unidade escolar. Dentre eles, marcaram presença, o Deputado Romildo Titon, o Secretário de Desenvolvimento Regional Alaor Gotz, a presidente da AAPP (Associação de Alunos Pais e Professores) Tânia Ross, a diretora do colégio Mônica de Mattia, além do Prefeito Nelson Cruz e vereadores do município.

Na oportunidade, os presentes elencaram as dificuldades de ensino que o prédio implica devido à situação precária que se encontra. De acordo com o professor Antônio Rosa, não há condições de lecionar nestes ambientes. Ele levantou alguns pontos que dificultam o desenvolvimento dos educandos, como: piso deteriorado, ginásio com infiltração, alagamentos em dias de chuva e falta de vagas.

De encontro às reivindicações do professor, a presidente da AAPP, a também professora Tânia Ross, ressaltou as deficiências do prédio, e afirmou que o imobiliário só está em pé, devido ao esforço dos pais e professores que têm investido constantemente para “remendar” os problemas físicos do local. “Não haverá mais investimentos por parte da AAPP”, enfatizou Tânia.

Tendo em vista todas estas dificuldades, o Deputado Romildo Titon reconheceu a realidade e disse que tentará direcionar o caso ao programa Pacto pela Educação, do governo do estado. Ainda conforme Titon, o próximo passo será solicitar uma audiência com o Secretário da Educação, Eduardo Deschamps. “Estamos trabalhando há dois anos para que esta escola esteja no cronograma de obras do estado, não uma reforma, queremos uma escola nova e moderna”, afirmou o parlamentar.

De acordo com informações, o prédio não passa por uma grande reforma há cerca de 30 anos. Atualmente o colégio conta com aproximadamente 800 alunos distribuídos no ensino básico, fundamental e médio, oriundos de diversos bairros da cidade e inclusive do interior do município.

Pacto pela Educação

Uma das áreas essenciais no dia a dia dos catarinenses vai ganhar ainda mais destaque este ano com o Pacto pela Educação. Com lançamento nesta segunda-feira, 18, o programa vai investir mais de R$ 500 milhões em aprimoramento pedagógico para estudantes e professores, melhorias na estrutura das escolas e mudanças na gestão da rede estadual.

O Pacto tem a meta de elevar o nível de ensino das escolas catarinenses, chegando à qualidade da educação dos países desenvolvidos. O Estado já alcançou o primeiro lugar no Índice de Desenvolvimento de Educação Básica (IDEB) para Ensino Fundamental Anos Finais e Ensino Médio. Para atingir o objetivo, o programa distribuiu os investimentos em três eixos: pedagógico, de estrutura e gestão.

Um comentário:

  1. TEM MESMO É QUE OLHAR COM CARINHO PELAS ESCOLAS E TAMBEM PELOS PROFESSORES ,POIS DESTAS PESSOAS É QUE SE FORMA CIDADAÕS ,PARA UMA SOCIEDADE MAIS JUSTA NADA MAIS DIGNO QUE OS PROFESSORES ENCINAR EM LUGARES COM QUALIDADE ,FICO FELIZ PELA INICIATIVA NÃO SOU PARTIDARIO SOU CAMPONOVENSE DE CORAÇÃO ,E VCS ESTÃO AI PRA NOS REPRESENTAR .
    CADA NAÇÃO TEM OS GOVERNANTES QUE MERECE ENTÃO NOS HONREM PORQUE NOS CAMPONOVENSES TEMOS MUITA DIGNIDADE E MERECEMOS QUE TRABALHEM PARA O POVO E PELO POVO ,LEMBRAREMOS DE VCS NAS PROXIMAS ELEIÇÕES ,JUNTO CHEGAREMOS LA ASSINADO ROGÉRIO SERENA

    ResponderExcluir

comente aqui

No seu rádio