Ouça Orli Ricardo

quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Sobrevivente da bomba atômica de Nagasaki morre em Frei Rogério


Japonês Kazumi Ogawa sobreviveu ao lançamento da bomba, durante a 2ª Guerra Mundial

Sobrevivente da bomba atômica
(Foto: Guto Kuerten_Agência RBS)
O japonês Kazumi Ogawa, de 83 anos, um dos últimos sobreviventes da bomba atômica de Nagasaki, no Japão, morreu em Frei Rogério, no Meio-Oeste, na noite desta terça-feira (4).

Ele nasceu em maio de 1929 e tinha 16 anos no dia 9 de agosto de 1945, quando a bomba foi lançada, durante 2ª Guerra Mundial. Em 1961, chegou ao Brasil com a esposa, Mariko. Depois de passar pela cidade gaúcha de Santa Maria, se juntou a algumas famílias que foram para Frei Rogério, onde fundaram uma colônia japonesa.

No município, Ogawa também criou o monumento chamado Sino da Paz, inaugurado em 10 de agosto de 2001. O local é uma homenagem aos colegas, parentes e amigos vítimas e sobreviventes das explosões das bombas de Hiroshima e Nagasaki.

Cinco décadas depois do acontecimento, todos os anos, nos dias 06 e 09, datas do lançamento das bombas, o local é palco de uma cerimônia marcada pela badalada do sino. O corpo foi velado no Museu da Paz e o sepultamento ocorre nesta quinta-feira (6), no Cemitério Japonês.

//
Fonte: G1.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

comente aqui

No seu rádio